Novidades do Canada’s Wonderland: área temática, montanha russa e festival de inverno

Canada’s Wonderland, o meu parque de diversões favorito e o maior do Canadá, anunciou esse ano diversas novidades para 2019 que vão deixá-lo ainda melhor do que já é.

Canada’s Wonderland

Yukon Striker, a super montanha russa

A inauguração de uma super montanha russa que promete bater pelo menos 3 recordes foi muito comemorada nas redes sociais. Eu compartilhei lá na nossa página, o vídeo em primeira mão.

Seu nome é Yukon Striker pois ela tem um design inspirado nas montanhas de Yukon, com várias subidas e descidas. O percurso total é de mais de 1,1km. Seu ápice fica a quase 75m de altura e poderemos ver a silhueta do centro de Toronto lá de cima! Outro grande diferencial dessa montanaha russa é que seus carrinhos não tem chão e antes de descer ela dá aquela paradinha rápida para que a gente tenha a sensação de estar pendurado num despenhadeiro, prestes a cair. E quando a gente finalmente despencar, iremos de zero a 130km/h direto para um túnel.

Portanto, ela será a mais longa, mais rápida e com a maior queda do mundo, na categoria de Dive Coaster. Não sei se vou ter coragem de ir mas vou preparar meu coração até o ano que vem.

O design é de Bolliger & Mabillard, criadores da Leviathan e Behemoth (também no Canada’s Wonderland), Kraken e Manta (no SeaWorld Orlando), Montu (Busch Gardens Tampa), Incredible Hulk e antiga Dragon Challenge (Universal Islands), entre outras.

Olha os vídeos de divulgação da Yukon Striker:

Frontier’s Canada

Nos últimos anos o Canada’s Wonderland adicionou diversas atrações com o tema Canadá como o Muskoka Plunge, Lumberjack, Flying Canoes e a mais nova Yukon Striker. Devagar, eles começaram a mudar a decoração de algumas áreas para ficar mais com cara do país. Adicionaram cadeiras de Muskoka, cercas de madeira e até lojas imitando casinhas antigas.

Agora eles anunciaram que irão criar uma nova área temática chamada Frontier’s, inspirada no Klondike Gold Rush (corrida do ouro) em Yukon no fim do século 19.

O curioso é que esse projeto demorou mais de 37 anos para sair do papel! Ele fazia parte dos planos originais na época que o Canada’s Wonderland foi inaugurado, em 1981. Só que acabou ficando de lado até esse momento.

Pelo que entendi não será uma ampliação e sim uma redecoração. Então todas as mudanças que foram feitas ao longo dos últimos anos, tinha um propósito bem especial. Além das atrações que mencionei acima, as outras que farão parte dessa área são: Vortex, Mighty Canadian Minebuster, Soaring Timbers, Lakeside Lagoon, White Water Canyon, Timberwolf Falls.

Nas fotos abaixo vocês podem ver os planos originais:

Reparem que a logomarca da Minebuster foi feita como eles idealizaram e a casinha abaixo agora está na entrada do White Water Canyon.

WinterFest, o tão esperado festival de inverno

Por causa do inverno canadense, o Canada’s Wonderland sempre fecha suas portas no fim de outubro e fica assim até o início de maio. Sempre achei isso o maior desperdício e ficava pensando que eles poderiam usar o espaço para realizar um festival de inverno ou mercado de Natal. Por isso a criação do WinterFest em 2019 foi a notícia que mais me encheu os olhou, estou super ansiosa por esse festival.

O parque será transformado em Winter Wonderland para uma experiência mágica, segundo eles. O WinterFest terá áreas temáticas, dezenas de árvores de Natal, milhares de luzes, pista de patinação, shows, guloseimas, personagens natalinos incluindo o Papai Noel, atividades para famílias e até alguns brinquedos abertos. Será um verdadeiro parque de Natal com a cara do Canadá.

Assim como o atual Halloween Haunt, para visitar o festival de inverno teremos que pagar um adicional. O valor do ingresso ainda não foi divulgado. Entretanto, se tomarmos como base o do Halloween, será algo em torno de $19.99 para quem tem o season pass normal, $32.99 para quem não tem. Porém há a opção de adquirir um passe especial para poder visitar tudo isso, mais detalhes abaixo.

O WinterFest funcionará do fim de novembro (depois do Remembrance Day) a dezembro.

Veja que lindo o vídeo de divulgação:

Um novo tipo de passe anual

A partir de 2019 o parque terá um novo passe anual, o Gold Pass.

Podemos continuar comprando o passe normal, que dá direito a entrada no parque de diversões e aquático, que custa $72.99. Ou comprar o Gold Pass por $99.99 que dará direito também a entrar no Winterfest e no Halloween Haunt. Lembrando que eles dividem em até 12 vezes sem juros. E quem renovar o passe antes do parque encerrar a temporada 2018 ganha alguns mimos, como 1 Fast Pass e ingresso gratuito para trazer um amigo.

E em 2020…

Além de tudo isso que vai acontecer em 2019, a Cedar Fair, empresa que administra o Canada’s Wonderland anunciou a construção de um hotel integrado ao parque, assim como já existe em outros lugares do mundo.

Aqui teremos um hotel duplo, Hyatt Place-Hyatt House, com 8 andares e 203 quartos. Eles estão esperando um enorme crescimento no número de pessoas que frequentam o Wonderand e estão investindo para acompanhar.

Livi

Baiana expatriada em Toronto. Adora escrever sobre suas viagens em família e experiência de vida em Toronto

Você pode gostar...

6 Resultados

  1. Rodrigo disse:

    Com quanto tempo de antecedência eu sei o calendário do parque?
    Em algum mês o parque fica aberto, permanecendo fechada a “parte molhada” (caso fossemos em maio)?

    • Livi disse:

      Eles abrem a parte seca em maio e o parque aquático de junho até o fim de agosto. Onparquenfica aberto até o fim de outubro. A partir de 2019 teremos um festival de inverno em dezembro.

  2. Rodrigo Blochtein Kulkes disse:

    Obrigado pelas dica. Setembro ainda é considerado mês de alta temporada?

  3. Rodrigo disse:

    Oi Livi, tudo bem? Gostaria de te contar como estou planejando minha viagem. Ok?

    Mina esposa e minha filha, de 4 anos, viajariam comigo.

    O pensamento é voar POA-SP-Toronto-Quebec …acabando em Toronto

    ou

    POA- SP-Toronto…acabando em Quebec

    Se fizermos o primeiro caminho.
    1ª noite – Quebec
    2ª noite – Quebec
    3ª noite – Quebec
    Teríamos 2 dias inteiros pra conhecer Quebec
    4ª noite – Montreal
    5ª noite – Montreal
    6ª noite – Montreal
    7ª noite – Montreal
    Teríamos metade de um dia + 3 dias inteiros para conhecer Montreal
    8ª noite – Toronto
    9 ª noite – Toronto
    10 ª noite – Toronto
    11 ª noite – Toronto
    12 ª noite – Toronto
    13 ª noite – Toronto
    Teríamos 5 dias inteiros em Toronto: 3 para conhecer a cidade + 1 para o parque de diversões + Niágara
    Volta Toronto-SP-POA

    Se fizermos a segunda rota

    POA- SP-Toronto…acabando em Quebec
    1ª noite – Toronto
    2 ª noite – Toronto
    3 ª noite – Toronto
    4 ª noite – Toronto
    5 ª noite – Toronto
    6 ª noite – Toronto
    Teríamos 5 dias inteiros em Toronto: 3 para conhecer a cidade + 1 para o parque de diversões + Niágara
    7ª noite – Montreal
    8 ª noite – Montreal
    9 ª noite – Montreal
    10 ª noite – Montreal
    Teríamos metade de um dia + 3 dias inteiros para conhecer Montreal
    11ª noite – Quebec
    12 ª noite – Quebec
    13 ª noite – Quebec
    Teríamos metade de um dia + 2 dias inteiros para conhecer Quebec
    Volta Quebec-Toronto-SP-POA

    Concorda que o melhor seria fazer tudo de trem? Daí não ficaríamos dependendo de hotel com estacionamento, nem estrsse de estacionar o carro nas ruas das cidades.
    Talvez alugar o carro para fazer o bate e volta até o Niágara, quem sabe?É tranquilo dirigir à noite nas estradas do Canadá?

    Estamos em dúvida se vamos em maio ou setembro.
    Caso fossemos em maio ainda temos chance de ver neve?

    Vale a pena passar 2 dias em Ottawa?
    De repente ver o festival das tulipas em maio.
    Aquela iluminação noturna do Parlamento, em Ottawa, dura todo o ano ou só ocorre em outubro?

    Vale a pena ficar 3 dias inteiros em Montreal? OU dois são suficientes?

    Desde já agradeço tuas dicas,

    • Livi disse:

      Oi Rodrigo,

      Eu incluiria 1 noite em Ottawa no roteiro pois é uma cidade linda e também uma maneira de quebrar a viagem.
      Em Quebec City basta 2 dias para conhecer a cidade e talvez visitar a cachoeira ou a ilha.
      Montreal é uma cidade grande e tem muita coisa para ver mas vai depender de quanto você quer explorar, mínimo 2 dias, se puder ser é 3 melhor.
      As estradas aqui são bem tranquilas, pode dirigir à noite sim.
      Neve em maio é bem difícil (não vou dizer impossível pois o tempo aqui é doido).
      A iluminação do parlamento de Ottawa só no verão.

      Esses são so meus pitacos, boa viagem para vocês!

Deixe um Comentário