Um rolé por Varadero e Península de Hicacos, em Cuba

Nos meses mais frios, os canadenses adoram dar uma escapulida para algum hotel na praia. Os sites de viagens locais oferecem diversos pacotes para o Caribe, que geralmente incluem hotel, transfer e passagens aéreas. México, República Dominicana, Jamaica e Cuba são os destinos mais escolhidos. Já fomos ao México nesse esquema, e agora, Cuba. Fiquei de olho nas promoções de última hora e quando vi um pacote baratinho para Cuba, não hesitei. Passamos um total de 8 dias e 7 noites lá, hospedados no Grand Memories Varadero.

Ficar dentro de hotel é ótimo para relaxar, principalmente com crianças. Minhas filhas ficariam 100% felizes em qualquer hotel com piscina. Porém ficar somente resort não nos dá a oportunidade de conhecer realmente um lugar. Portanto nós sempre nos aventuramos fora deles.

Em Cuba saímos 3 vezes. Na primeira para conhecer a península de Varadero, na segunda fomos em Havana e na última à ilha de Cayo Blanco. Vale dizer que o país é super seguro e em nenhum momento nos preocupamos ou com medo.

Excursões com agência ou passeio independente?

Dentro do hotel a vários agentes de viagem que vendem excursões para diversos locais. Todos têm as mesmas opções de pacotes e cobram o mesmo valor. Porém cada um escolhe o agente de acordo com a agência de viagem que o levou. Por exemplo, nós fomos pela Air Canada, portanto falamos com o agente deles. Não importa com quem você feche, só há uma operadora de turismo, portanto no fim todo mundo vai junto.

Mas a gente não fica restrito à agência para fazer passeios, da para fazer de forma independente. Dos 3 que fizemos, apenas um fechamos com a agência.

Como a região de Varadero é altamente turística, há um ônibus hop on hop off, taxis e carros para alugar nas locadoras Cubacar.

Explorando a península com o Varadero Beach Tour

A península onde está localizada a cidade de Varadero chama-se Hicacos. E no nosso primeiro passeio resolvemos explora-la de ponta a ponta, sozinhos.

Varadero

Há um ônibus hop on/hop off, de dois andares, que para em 48 pontos, incluindo todos os hotéis. Por apenas 5CUC por pessoa podemos passear o dia inteiro! Minhas filhas tem 7 e 10 anos e pagaram a mesma coisa. Guarde o ticket e mostre toda vez que reembarcar. O horário de funcionamento é de 9:30am – 9:00pm, e ele passa a cada meia hora.

Não é difícil localizar o ponto de ônibus, eles estão marcados com uma placa. Cuidado para não se confundir com o ponto de ônibus normal. Outra coisa, pode pegar qualquer hop on hop off, mesmo se a pintura e nome for diferente. Isso nos confundiu um pouco.

Nós pegamos esse ônibus e saltamos primeiro na Plaza América, onde há um shopping para turistas. É bem bonitinho, com lojas de roupas, bebidas, um banco, um mercadinho e restaurantes. Tudo caríssimo! Trocamos dinheiro e seguimos viagem.

Descemos próximo no centro de Varadero, onde há feiras de artesanato, restaurantes e night clubs. Caminhamos bastante e achei bem animado. Gostaria muito de ter voltado à noite para aproveitar mas não deu.

A vantagem dos hotéis mais antigos de Varadero é que eles estão ali bem pertinho do centro e os hóspedes podem ir a pé. O nosso estava uns 15-20 minutos de ônibus. Se você prefere ficar mais perto da muvuca, fica a dica. Para vocês se localizarem, a cidade está no começo da península

A marina de Varadero

Depois de andarmos bastante por Varadero, pegamos o ônibus e retornamos até a pontinha da península, onde está La Marina.

No local há lojas, boates, uma casa de câmbio Cadeca, uma loja de conveniência que vende lanches, bebidas e outras besteiras. Há também uma locadora de carros. Como já era fim do dia, a marina estava bem tranquila e não tinha quase ninguém.

Continue lendo sobre Cuba:

Roteiro de 1 de em Havana, partindo de Varadero
Passeio de barco para a ilha de Cayo Blanco
O que você precisa saber antes de viajar para Cuba

Livi

Baiana expatriada em Toronto. Adora escrever sobre suas viagens em família e experiência de vida em Toronto

Você pode gostar...

Deixe um Comentário