Roa trip: roteiro de Toronto a Thunder Bay, Ontário

Mesmo morando aqui há mais de 20 anos, ainda não tínhamos tido a oportunidade de explorar o norte de Ontário. Então decidimos sair de trailer, de Toronto a Thunder Bay.

O roteiro dessa viagem foi focado em conhecer belezas naturais e atrações ao ar livre, de uma forma que pudéssemos passear tranquilos, mantendo distância das outras pessoas.

Queria muito ter explorado Sudbury, Sault Ste. Marie e Thunder Bay da forma que elas merecem mas como viajamos com um trailer temos que planejar cuidadosamente nossa viagem e infelizmente não dá para entrar em todas as cidades pois não há espaço para estacionar. E mesmo que a gente quisesse, não ia poder visitar muitas atrações pois estavam fechadas por causa da pandemia. Optamos por fazer outra viagem no futuro, quando isso tudo passar, para explorarmos cada uma dessas cidades.

Nesse post farei um resumo do nosso roteiro com os nomes dos parques que ficamos e dicas de onde parar ao longo da viagem. Depois vou detalhar os locais que visitamos em posts separados. Todos os parques que nos hospedamos são provinciais e podem ser reservados no site do Ontario Parks.

Dia 1: Chutes Provincial Park

Chutes, road trip de Toronto a Thunder Bay

A nossa primeira parada foi o Chutes Provincial Park, ao lado da pequena e simpática cidade de Massey. De Toronto até lá são 480km.

O parque é simplesmente perfeito para famílias! Tem uma cachoeira linda e dá para tomar banho numa área mais calma do rio.

O deck para observar a cachoeira fica a poucos metros do estacionamento. O nosso campsite era pertinho da cachoeira, bastava caminhar uns 200m, descer uma escada e pronto! É um lugar perfeito para relaxar no fim de semana ou quebrar uma longa viagem de carro pela Trans-Canada Highway. Nós ficamos lá duas noites e ele serviu de base para explorarmos Manitoulin Island.

Dia 2: Manitoulin Island

Manitoulin, road trip de Toronto a Thunder Bay

No segundo dia de viagem, fomos para Manitoulin Island, a maior ilha de lago de água doce do mundo. Ela está localizada no lago Huron, a menos de 1h do Chutes e sua paisagem é enfeitada pelo Niagara Escarpment.

Quem vai de carro pela estrada, entra na ilha pela cidade de Little Current. Demos um passeio rápido pelo centro e marina, depois fizemos a trilha The Cup and Saucer e fomos na cachoeira Bridal Veil.

Em Manitoulin Island há muitas comunidades First Nations (aborígenes) e algumas delas oferecem experiências culturais onde podemos aprender mais sobre a história, arte e costumes. Porém devido a pandemia está proibido a entrada de visitantes nessas comunidades e as atrações estão temporariamente fechadas. Já sabia disso antes de irmos mas deixo a dica para quem for numa época sem restrições. Com certeza irei voltar para participar dessas experiências com minha família. As crianças aprendem sobre o assunto na escola mas nada como vivenciar, concordam?

Dia 3: Dirigindo até o Lake Superior Provincial Park

Echo Bay, road trip de Toronto a Thunder Bay

Dirigimos 400km do Chutes ao Lake Superior Provincial Park e fizemos uma parada em Echo Bay para almoçar. Essa cidade tem um monumento dedicado a moeda de $1 canadense, apelidada de Loonie. Claro que a gente tinha que parar para torar foto né? Ao redor tem um estacionamento amplo e foi tranquilo parar o trailer.

Ao norte de Sault Ste. Marie vimos o Lago Superior pela primeira vez. Ele é o maior lago de água doce do mundo! Paramos próximo de Batchawana Bay e molhamos os pés em suas águas.

O Lake Superior Provincial Park tem dois campings que acomodam trailers, nós ficamos no Agaway Bay. O lugar é lindo demais! Porém o camping fica espremido entre a estrada e o lago, portanto, os campsites são mais apertados do que o normal. Recomendo ter bastante cuidado ao reservar pois vimos alguns lugares que seriam impossíveis estacionar o nosso trailer, apesar de serem indicados para o tamanho dele. O barulho da estrada diminui a noite e não incomoda. Uma coisa boa é que por causa da proximidade com o lago a maioria dos campsites tem vista para a água.

Dormimos lá por duas noite e aproveitamos para explorar as principais atrações do parque.

Dia 4: Lake Superior Provincial Park

Lake Superior, road trip de Toronto a Thunder Bay

Há muitos lugares incríveis para ver dentro do parque, sem precisar fazer muito esforço. Em um dia vimos a Agawa Rock, Old Woman Bay e fizemos algumas trilhas fáceis, como Trapper’s e Pinguisibi.

No fim da tarde sentamos na beira do lago para relaxar e ver o pôr do sol na praia de Agawa Bay. Nós não tomamos banho nela nenhum dia pois achamos forte e funda. Vi pouquíssimas pessoas que se aventuraram a entrar na água em Agawa Bay e eles ficaram bem na beira.

Dia 5: Dirigindo até o Sleeping Giant

Aguasabon Falls, road trip de Toronto a Thunder Bay

São 550km do Agawa Bay Campground para o Sleeping Giant Provincial Park. Esse é sem dúvida o trecho mais lindo da viagem, onde a gente fica de queixo caído de ver tanta paisagem bonita. A pista vai serpenteando entre as montanhas. Há vários lugares que valem a pena parar como: Aguasabon Falls, Rainbow Falls, Ouimet Canyon Provincial Park (porém nesse o estacionamento de RVs fica antes da entrada do parque) e o Eagle Canyon Adventures onde tem a maior ponte suspensa do Canadá (atividade paga). E se você curte o goose (aquele bichinho dócil #sqn) então pare na cidade de Wawa que tem uma estátua de goose enorme. 😀

Dia 6: Thunder Bay

Começamos o nosso dia em Thunder Bay no monumento dedicado a Terry Fox, que é considerado um herói canadense. O monumento fica no caminho para Thunder Bay e tem vista bem bonita.

De lá seguimos para Kakabeka Falls Provincial Park. Essa cachoeira incrível (foto acima) fica do lado do estacionamento e há várias plataformas de observação conectadas por um calçadão de madeira e escadas.

Depois voltamos para Thunder Bay para explorar a cidade. Fomos no Hillcrest Park, de onde temos uma vista panorâmica da cidade e da montanha Sleeping Giant mas infelizmente começou a chover e não deu para fazer o resto no nosso tour, só deu para dar uma voltinha de carro pelo centro. Outros lugares interessantes para visitar são Mount McKay lookout, Marina Park, Fort William Historical Park (que estava fechado) e uma das minas de ametista da região.

Dia 7: Sleeping Giant

O Sleeping Giant Provincial Park tem esse nome por causa dessa montanha, que é uma das mais altas de Ontário. Não dá para ver bem desse ângulo mas ela parece um gigante deitado de braços cruzados.

O nosso plano do dia era fazer a trilha até o topo dele. O caminho é longo, 23,4km para ir e voltar. Pesquisamos bastante e mesmo sabendo que iria ser difícil com as meninas decidimos arriscar. Infelizmente não deu certo e voltamos do meio do caminho. Resolvemos fazer outras trilhas mais fáceis como Sea Lion e o Thunder Bay Lookout.

Dia 8: Dirigindo até o Pancake Bay Provincial Park

Saímos do Sleeping Giant cedinho para enfrentar os 610km até Pancake Bay. Tínhamos planos de fazer várias paradas mas pegamos a pior tempestade que já vimos na minha vida. O tempo ao redor do Lake Superior é bem instável e muda muito rápido. Em Thunder Bay a previsão era de granizo (não aconteceu enquanto estávamos lá), mas na estrada o tempo fechou e não conseguíamos enxergar nada na frente. Foi tão feio que tivemos que parar.

Quando chegamos em Pancake Bay parecia que nada tinha acontecido, o sol estava lindo e ainda ficamos o resto do dia curtindo a praia.

Dia 9: Pancake Bay Provincial Park

Pancake Bay, road trip de Toronto a Thunder Bay

Esse parque é conhecido por sua praia que tem mais de 3km de extensão. Não tínhamos planejado ficar nesse parque, íamos passar só para olhar. Porém uma leitora que mora em Sault Ste Marie recomendou e ainda bem que seguimos a dica dela. A praia é simplesmente incrível! Tem areia fininha, calma e não é funda. Não sei se demos sorte mas sempre achei que a temperatura do Lake Superior fosse mais fria que a dos outros lagos e não seria legal para banho. Ah como eu estava errada! A água estava uma delícia, mesmo para mim que sou friorenta.

Dia 10: De volta para Toronto

O plano era dirigir até o Chutes Provincial Park, assim aproveitaríamos o parque mais uma vez e a viagem não ficaria tão cansativa. Mas no meio do caminho decidimos dirigir os 743km de volta para Toronto. São Pedro não colaborou e preferimos voltar para casa mais cedo. Pegamos uma chuvarada na estrada, com direito a raios e trovões. Os raios estavam tão constantes que os postos de gasolina na estrada fecharam. Fica a dica para vocês não andarem com o tanque vazio, pois em caso de tempestade, podem não encontrar lugar para abastecer.

No caminho fizemos uma parada em Sudbury para visitar o Big Nickel (a grande moeda de 5 centavos, ícone da cidade) e aproveitamos para encher o tanque, já que não conseguimos fazer isso na estrada.

Segundo as contas do marido, na nossa road trip de Toronto a Thunder Bay dirigimos mais de 3000km, somando tudo. Nos próximos posts vou falar dos lugares que visitamos e dar dicas sobre viagens de trailer e motorhome.

Livi

Baiana expatriada em Toronto. Adora escrever sobre suas viagens em família e experiência de vida em Toronto

Você pode gostar...

2 Resultados

  1. Solange disse:

    Viagem linda! Me surpreendi com o Lake Superior.

Deixe um Comentário