Guia sobre patinação no gelo: patins, acessórios e onde patinar em Toronto

Uma das nossas atividades preferidas no inverno é patinar no gelo. A cidade de Toronto possui 50 rinques externos  e 49 rinques cobertos operados pela prefeitura. Esses rinques funcionam de acordo com um calendário e possuem horários para quem está fazendo aulas e horários abertos ao público. As arenas cobertas geralmente abrem em Outubro e as pistas que ficam do lado de fora só abrem no fim de novembro ou início de dezembro.

patinacao-no-gelo-4Nathan Philips Square

Os dois rinques externos mais charmosos de Toronto são o do Nathan Philips Square, em frente a prefeitura, e o Natrel Rink, no Harbourfront. Ambos são super turísticos e se você está de passagem pela cidade no inverno precisa conhecê-los. Eles são para Toronto o mesmo que a pista de patinação do Rockefeller é para Nova York.

Nós não somos profissionais no assunto, longe disso. Ainda levamos cada tombo… Mas mesmo assim a gente continua com a esperança que um dia vamos conseguir patinar igual a um local. A esperança é última que morre né?

Mesmo sem saber patinar, adultos geralmente conseguem se equilibrar pra fazer uma gracinha. Mas quando tem crianças envolvidas a coisa é um pouco mais difícil. Então nesse post eu compartilho algumas dicas e acessórios que funcionaram para nós e para as meninas.

patinacao-no-gelo-6

As meninas patinaram pela primeira vez no outono de 2015. Eu matriculei as duas em um dos cursos oferecidos pela prefeitura, que são bem baratinhos (tem para adultos também). Na época a menor tinha apenas 4 anos e a mais velha 6. No curso introdutório eles ensinam basicamente a cair e levantar, além de alguns exercícios de equilíbrio. Não é permitido usar nenhum equipamento para auxiliar as crianças, apenas joelheiras e capacete.

O curso tinha 12 aulas e depois disso nós resolvemos que ao invés de curso iríamos patinar juntos uma vez por semana, em uma das arenas públicas da cidade. A partir daí as meninas se desenvolveram muito mais do que no curso, principalmente a mais nova. E nós também!

O tipo de patins faz toda a diferença

Existem 3 tipos de patins, um para quem joga hockey (hockey skates), outro para quem faz patinação artística (figure skates) e o terceiro é para aquelas corridas no gelo (speed skates). O terceiro não é para quem está aprendendo. Os outros dois tem algumas diferenças no modo como se ajustam no pé e no tipo de lâmina.

patinacao-no-gelo-7

A lâmina do patins de hockey é mais curta e do artístico é mais longa. Para quem nunca patinou em nenhum tipo de patins, a lâmina mais longa é mais fácil para aprender. Então se você não planeja jogar hockey e quer apenas brincar de patinar o melhor patins é o de patinação artística (o branco na foto).

Mas se você já usou aqueles patins com rodinhas em linha e está acostumado, então use o de hockey que é bem similar. Eu não sabia disso quando comprei o patins das meninas e comprei parecido com o de hockey, o que dificultou pra elas.

Independente da idade, a escolha do patins correto faz toda a diferença. Ele precisa ser do tamanho do seu pé, não pode ser folgado. Nas lojas eles medem o nosso pé e vendem o número certinho. A numeração segue a mesma linha dos sapatos daqui.

Patins com ajuste de cordão são melhores do que aqueles com fivelas pois podemos ajustar melhor na perna. Ele precisa ficar bem justo no tornozelo, senão perdemos o equilíbrio. Os patins com fivela as vezes abrem ou folgam e nós perdemos o equilíbrio. Nunca vi de fivelas para adultos mas compramos para as meninas e não gostamos. São horríveis para ajustar.

Se comprar um patins novos, peça para amolarem (sharpen) a lâmina. Eu achava que os patins vinham prontos para serem usados mas não é o caso. E sempre que notar que os patins não estão deslizando direito, leve para amolar novamente. Nas lojas do Canadian Tire eles fazem isso e cobram bem baratinho. Quando acabar a brincadeira, seque a lâmina antes de guardar.

Roupa impermeável

Como sempre no inverno, a roupa precisa aguentar a temperatura. Para quem vai patinar a roupa precisa dar mobilidade, então evite casacos longos. Luvas e gorro são indispensáveis.

Nas crianças eu sugiro colocar calça impermeável, isso evita de ficarem molhadas caso caiam no gelo. As minhas filhas mesmo quando não caem se jogam no chão para brincar, então a roupa é toda impermeável.

patinacao-no-gelo-1

Capacete

Se você for tomar aulas de patinação o uso de um capacete será obrigatório, caso contrário não.

Com as crianças eu recomendo o uso de capacete porque elas acabam caindo muito e correm o risco de bater a cabeça. No curso que as meninas fizeram eles exigiam um que protegesse o rosto também, que é o capacete de hockey. Elas usam até hoje.

Eles servem para esquiar também, basta tirar a proteção frontal e colocar o óculos apropriado.

Acessórios para crianças aprendendo a patinar no gelo

Joelheiras

Todas as vezes que as meninas caem batem os joelhos no chão, foi assim que aprenderam a cair no curso. Por isso agora sempre colocamos a joelheira por cima da calça de neve. Elas quase nunca caem de bunda no chão, já eu e o marido… #fail

Skater Learning Aid

Para as crianças que estão aprendendo a patinar eu sugiro usar um skater learning aid, que é uma espécie de andador onde as crianças podem se segurar até ficarem mais confiantes para patinar sozinhos.

Tem gente que prefere usar uma cadeira de plástico pequena, ao invés do andador. Acho que é uma questão de opinião pessoal, se seu filho se sente mais confortável então use a cadeira. Aqui já usamos até aqueles cones laranjas, qualquer coisa pra se segurar é válido.

Nosso andador é esse da foto e foi comprado no Canadian Tire.

patinacao-no-gelo-3

Em alguns rinques públicos eles tem para emprestar ou alugar.

Skateez Skating Aid

Esses dias eu vi na Sport Check um acessório que me pareceu bem legal para as crianças mais novas que não conseguem se equilibrar no patins de gelo. Chama-se Skateez Skating Aid e custa $24.99 o par.

skateez-patinar-no-gelo

Patinando

Agora que você tomou coragem e resolveu patinar, lembre-se:

  • De olhar sempre para frente, nunca para o chão;
  • inclinar seu corpo para frente e não para trás;
  • se precisar frear dobre os joelhos e vire os pés para dentro;
  • se cair, levante-se, dê uma boa gargalhada e comece outra vez.

Have fun!

Livi

Baiana expatriada em Toronto. Adora escrever sobre suas viagens em família e experiência de vida no Canadá

Você pode gostar...

Deixe um Comentário