Riu Caribe, um hotel porreta em Cancún

Várias pessoas já me perguntaram se gostamos de ficar hospedados no Riu Caribe, em Cancún, então nesse post vou contar o que achamos do hotel.
Eu fiquei um pouco apreensiva antes de viajar pois pagamos um preço mais barato do que outros hotéis similares estavam oferecendo. Fiquei com medo de ser uma furada. Mesmo olhando as avaliações do Trip Advisor só tive a certeza mesmo quando cheguei lá. Para nós o hotel foi ótimo. Há alguns pontos a serem melhorados mas mesmo assim gostamos bastante. O nosso pacote foi comprado num site de viagem canadense mas eu vi um pacote ótimo para esse hotel no Zarpo para quem está saindo do Brasil.

O quarto

O Riu Caribe tem um formato de “U” e a maioria dos quartos possuem vista para o mar. Porém, alguns no térreo tem vista para o jardim. Como pegamos um deal, esse foi o quarto que ganhamos. Já esperava isso e perguntei se podia fazer um upgrade. Pagamos a diferença e fomos para o sétimo andar com uma vista maravilhosa. Detalhe que foi bem mais barato do que se tivéssemos comprado o upgrade quando fechei o pacote.
A decoração do quarto é minimalista e bem básica. Tem ar condicionado, ventilador de teto, frigobar cheio todos os dias e mais 4 garrafas de bebidas alcoólicas presas na parede. Um sonho para quem gosta de encher a cara. 🙂
Para um hotel classificado como 5 estrelas, pensei que o quarto seria melhor. Mas não é um fator super importante para nós afinal não fomos pro México para ficar dentro de quarto. O importante mesmo é a questão da limpeza e isso não tenho do que reclamar. Para melhorar, nosso camareiro fazia cachorrinhos de toalha, enfeitava a cama com flores e ainda deixava pirulitos para as meninas todos os dias. Toda vez que a gente voltava pro quarto elas pulavam de alegria.
Para quem busca luxo no quarto, não espere isso no Riu Caribe. A vista sim é 5 estrelas!
 
Uma dica para quem não gosta muito de barulho: peça um quarto nos andares superiores (do quinto para cima). O lobby do hotel é no meio e aberto até o quarto andar, então dá pra ouvir as músicas que rolam no lobby até altas horas.
O hotel possui internet wifi gratuita em todas as áreas comuns. Para ter no quarto é preciso pagar um extra, entretanto nós conseguíamos nos conectar na wifi gratuita na nossa varanda.

A praia e as piscinas

O hotel possui 3 piscinas, sendo uma delas infantil. Na piscina maior, ao lado do bar, acontece a muvuca o dia inteiro. A gente gostava de aproveitar no fim do dia, pois ficava bem tranquila e sem muita bagunça.
Tem gente que nasceu para essa vida…
A praia em frente ao hotel é perfeita! Não tem ondas fortes, tem areia branquinha e a água é daquela cor de mar do Caribe. Por causa da localização, a praia é quase particular, é frequentada apenas pelos hóspedes e uns vendedores que passam de vez em quando. Se melhorasse, estragava.
Há pranchas, equipamentos para mergulho, barcos e jetski disponíveis na praia para os hóspedes, alguns free outros não.
 
Se você pensa em se hospedar no Riu Palace, que fica ao lado, a praia deles é super pequena e com várias pedras, então o pessoal de lá acaba indo para o Riu Caribe. #ficaadica

Os restaurantes e a comida

O Riu Caribe possui um restaurante principal tipo buffet, 2 restaurantes/bares na piscina, 3 restaurantes especiais que servem a la carte e dois bares no lobby. Ele não é um hotel super grande e as distâncias são confortáveis de andar.
O restaurante principal tinha uma comida excelente, com um buffet bem variado. Todos os dias eles mudavam algumas opções para variar um pouco. Recomendo provar o ensopado de cacto, até a minha filha de 5 anos gostou. Se está no México, faça como os mexicanos.
O buffet de sobremesas era meio fraquinho. O pudim e os mousses eram deliciosos mas as outras coisas nem tanto. Os bolinhos eram lindos mas não eram tão gostosos. Tivemos churros um dia e fondue de chocolate com frutas dois dias, ambos deliciosos. Os churros então…acho que engordei 3kg só naquele dia.
O restaurante perto da piscina maior ficava super movimentado todos os dias por causa do entretenimento, como falei antes. A pizzaria perto da piscina menor é ótima e fica bem mais tranquila.
Os 3 restaurantes especiais decepcionaram um pouco. Tinha um de comida asiática, um mexicano e um steakhouse. Como eles não aceitavam reserva, a gente tinha que esperar pra entrar. Testamos o mexicano e ele tinha uma comida gostosa mas demoroooou uma vida pra chegar. As meninas ficaram impacientes e nós estressados. Dentro do Mexicano tem um buffet com algumas coisas igual do restaurante principal, inclusive as sobremesas. Então não tinha por exemplo, sobremesas mexicanas, como o churros. Se é para comer no buffet, melhor ir no outro.
O steakhouse não conseguimos entrar nenhum dia por causa da fila e o asiático nem tentamos.
A comida do buffet era ótima, com várias opções e não precisávamos esperar. Era o nosso lugar preferido para comer. Quem tem filho vai entender.

Entretenimento

O Riu Caribe não é um hotel com foco exclusivo em famílias, ele é um hotel mais eclético, digamos assim. Eles tem atividades na piscina o dia inteiro, com música, jogos, esportes e dança. E a noite rola sempre shows. Mesmo assim ele oferece entretenimento para adultos e crianças, com direito a Kids Club e parquinho infantil. Havia uma boa mistura de famílias, idosos e gente sem filhos. E por causa disso não é um lugar paradão, é super animado. Tem entretenimento para todos os gostos.
A gente não ligava muito para o que estava rolando durante o dia. Mas todas as noites gostávamos de assistir os shows.  Teve até show na praia com artistas e bastões de fogo. Muito top! Outra apresentação que curtimos bastante foi a de dança mexicana e o cover de Michael Jackson. Meio turistão mas tá valendo! Alegria si si si, la tristeza no no no…
As meninas não quiseram ficar no Kids Club nenhum dia, apenas brincaram no parquinho. Elas preferiam as brincadeiras noturnas que rolavam no lobby e no teatro, com o pessoal do kids club. A filhota de 8 anos até ganhou em um dos jogos e levou um chapéu de brinde. No mais era praia e piscina o que elas queriam (e nós também).
O hotel possui quadra de esportes, academia, serviço de massagem (maravilhosa) e outras coisas que nem aproveitamos.

Dar gorgetas ou não?

Teoricamente, no sistema all-inclusive as gorjetas já fazem parte do preço. Mas nós acreditamos que não custa dar um agrado e sempre deixávamos alguma coisa depois das refeições ou depois de tomar algumas bebidas no bar. E isso fazia muita diferença no atendimento, claro. Eles já nos conheciam pelo nome, guardavam a nossa mesa no restaurante cheio e faziam bebidas mais gostosas no bar.
Em nenhum lugar do hotel nos sentimos obrigados a dar propina (gorjeta em espanhol), exceto na praia. O garçon só trazia a bebida pra quem dava $. Os que não davam tinham que levantar e ir buscar no bar.

Sobre ficar num hotel all-inclusive

Essa foi a nossa primeira vez num hotel all-inclusive. Confesso que nunca me interessei por pacotes assim pois acahava que ia morrer de tédio dentro de um hotel. E foi totalmento o contrário. Como o marido queria relaxar e eu passear, combinamos um pouco de cada. Foi perfeito! Adoramos o Riu Caribe e sem dúvida ficaríamos lá novamente.

Livi

Baiana expatriada em Toronto. Adora escrever sobre suas viagens em família e experiência de vida no Canadá

Você pode gostar...

2 Resultados

  1. ginapsi disse:

    Amei esse hotel e a praia! Cancún já está na minha lista e as dicas foram ótimas!!!

  2. Gisely disse:

    Ótimas dicas Livi. Vou experimentar esse hotel! All inclusive então é tudo de bom! Obrigada por compartilhar!!!!

Deixe um Comentário