Universal Studios e Islands of Adventure em um dia

Eu sou super fan do Harry Potter e assim que a Universal anunciou a inauguração do Wizarding World, em Orlando, eu fiquei louca para ir lá. Atualmente existem duas áreas do bruxinho lá: Diagon Alley, no Universal Studios, e Hogsmeade, no Islands of Adventures.

Como nós não tínhamos muito tempo e queríamos abraçar o mundo com as pernas, resolvemos fazer os dois parques em um dia. Sabíamos que não ia dar pra ver tudo em um dia mas a prioridade era ver as duas partes do Wizarding World of Harry Potter e passear de Hogwarts Express, trem que liga as duas partes.

Para fazer os dois parques em um dia e ter direito a andar no trenzinho, precisamos comprar um ingresso Park-to-Park. O ingresso para um dia é uma fortuna e eu não quero nem pensar no preço senão vou ter uma crise de choro agora. O preço melhora se compramos para mais dias. Mas vamos focar na diversão!

Começamos o passeio pelo Universal’s Islands of Adventure. Eu tinha comprado o ingresso online e tive que retirar em uma das máquinas. É super tranquilo, basta digitar o número do ticket e pronto.universal-orando-florida-1

Universal’s Islands of Adventure – Hogsmeade & Hogwarts

Chegamos bem na hora que o parque abriu para aproveitarmos o máximo. Entramos e seguimos pelo caminho mais curto direto para Hogsmeade, que foi a primeira área inaugurada. É só virar a direita depois da entrada, passando pelo Seus Landing e The Lost Continent. Veja o mapa do parque aqui.

Foi indescritível a emoção de levantar as vistas e ver a entrada para Hogsmeade com o castelo de Hogwarts ao fundo, só quem é fan entende. Casas tortas, neve nos telhados, vitrines…a riqueza de detalhes é incrível!universal-orlando-florida-52

Em Hogsmeade há várias lojas, 2 restaurantes, 2 shows, 3 brinquedos e o Hogwarts Express. É impossível não passar horas ali explorando cada detalhe. O primeiro lugar que visitamos foi Ollivanders, a loja onde o Harry Potter compra a varinha dele. Eles fazem um show bem legal e escolhem uma pessoa da platéia para participar, pena que é muito escuro e eu não consegui filmar. A fila não estava grande e andou bem rápido.universal-orlando-florida-8 universal-orlando-florida-10 universal-orlando-florida-26 universal-orlando-florida-27

Depois seguimos para o Castelo para fazer a Forbidden Journey, que é uma espécie de simulador. Pra brincar nesse brinquedo é preciso ter altura mínima de 1,22m (48″). A minha filha de 7 anos podia ir mas a de 4 não, então escolhemos fazer Child Swap e entramos todos no castelo.

universal-orlando-florida-18 universal-orlando-florida-24 universal-orlando-florida-13As fotos nos corredores se mexem e falamuniversal-orlando-florida-16Sorting Hat (Chapéu Seletor)

Com o Child Swap um dos pais brinca, enquanto o outro fica com a criança que não pode ir. Depois é só fazer o revezamento e não precisa encarar a fila novamente. Se tiver uma criança mais velha que pode brincar, ela tem direito a ir uma vez com cada um dois pais. Achei isso o máximo!

Não havia nenhuma fila, demoramos apenas o tempo que leva para percorrer todo o caminho até chegar no brinquedo. Mas pelo tamanho do caminho eu imagino as filas quilométricas que esse brinquedo tem no verão. Como nós não tivemos que deixar as coisas no locker da entrada, aproveitei para tirar fotos da parte interna de Hogwarts.universal-orlando-florida-12

No Forbidden Journey você faz um vôo de vassoura com o Harry Potter e passa por vários lugares do castelo, o brinquedo mistura projeções com bonecos de verdade. Minha filha de 7 anos foi, disse que gostou mas não quis ir novamente. Eu fiquei super tonta pois sou muito sensível a qualquer coisa que gira. Não tem nada demais, o problema sou eu mesmo. Eu vou em montanha russa mas passo mal em carrossel, vai entender.

Enquanto me recuperava, o marido levou as duas pimpolhas no Flight of the Hippogriff, que a altura mínima é 92cm (36″). Nesse a fila estava de uns 15 minutos e andou bem rápido. Elas gostaram bastante e quiseram ir duas vezes.

universal-orlando-florida-17A casa de Hagrid, do lado da fila do Flight of the Hippogriff

Não fomos na Dragon Challenge pois tinha uma fila de 50 minutos. De qualquer forma, nenhuma das meninas poderia ir pois precisava ter 1,37m(54″) de altura.

Passeamos um pouco pelas lojas e seguimos para o Hogwarts Express. Lembrando que só pode pegar o trem quem tem ingresso Park-to-Park.universal-orlando-florida-29 universal-orlando-florida-31universal-orlando-florida-69

O passeio de trem é curto mas bem legalzinho, você vê as paisagens do filme pela janela e vê as sombras dos personagens andando nos corredores. O que acontece na ida e na volta é diferente mas é tranquilo. Tinha lido que era meio assustador para crianças pequenas mas não foi mesmo.

Universal Studios – Beco Diagonal & Travessa do Tranco

Desembarcamos em Londres, na plataforma 9 3/4 da estação King’s Cross. universal-orlando-florida-33

Fomos para o lado de fora e vimos logo o Knight Bus. universal-orlando-florida-34Não há nenhuma placa indicando a entrada para o Beco Diagonal mas logo em frete ao ônibus roxo você vai ver uma parede vermelha de tijolo e um monte de gente entrando e saindo. Entre pelo lado esquerdo para ter a mesma experiência que o Harry teve ao entrar no Beco Diagonal.

Eu tirei foto desse dragão de todos os ângulo possíveis, com e sem fogo hehehe. universal-orlando-florida-64universal-orlando-florida-35universal-orlando-florida-51universal-orlando-florida-45universal-orlando-florida-47

Almoçamos no Caldeirão Furado (Leaky Cauldron). O restaurante é quick service, ou seja, você pega a fila, escolhe o que quer, paga e senta em qualquer mesa disponível. Em poucos minutos o pessoal traz a comida. Não precisa se preocupar com reservas nem gorjetas. Nada a reclamar do serviço.universal-orlando-florida-36 universal-orlando-florida-57 universal-orlando-florida-56

Ficamos bastante impressionados com a decoração mas a comida…não muito. Pedi Cottage Pie ($11.99) com salada e estava gostosinha. O marido pediu Beef, Lamb and Guinness Stew ($12.99) e não gostou muito. O Macaroni e Cheese das meninas estava horrível e elas dividiram o meu prato. Para beber pedi butterbeer ($4.49), a tradicional bebida do bruxinho. Achei super doce e não gostei mas tinha que provar né?

universal-orlando-florida-53Água com rótulo especial e butterbeeruniversal-orlando-florida-54A Cottage Pie com salada estava gostosauniversal-orlando-florida-55A cara dela antes provar e descobrir que era horrível

O único brinquedo desse lado do Wizarding World é o Escape from Gringotts. A restrição de altura é 1,07m (42″) e só a filha de 7 anos podia brincar. Fizemos child swap e aproveitei para tirar fotos do interior do banco. Fiquei de queixo caído quando entrei. Os bonecos parecem de verdade e a altura dos lustres deve ser de uns dois andares da minha casa!

universal-orlando-florida-41 universal-orlando-florida-42 universal-orlando-florida-43universal-orlando-florida-61As fotos dos jornais se mexem como no filme

Desse lado tem a sorveteria que vende os mesmos sabores do filme, lojinha dos irmãos Weasley, várias lojas de doces e também a Ollivanders onde podemos ver o show e comprar um varinha (igual a do outro lado).

universal-orlando-florida-39 universal-orlando-florida-40universal-orlando-florida-50 universal-orlando-florida-44Se você comprar uma varinha existem vários lugares mágicos,
como esse guarda-chuva. 
É só apontar a varinha que sai água.
A dona da varinha ficou bem embaixo e tomou um banho.
universal-orlando-florida-49 universal-orlando-florida-48

Exploramos cada cantinho do Beco Diagonal e suas lojinhas, inclusive a Travessa do Tranco.universal-orlando-florida-58 universal-orlando-florida-59 universal-orlando-florida-60

Universal Studios – Kidzone & Simpsons

Caminhamos pelo Universal Studios, tiramos fotos com alguns personagens e fomos para a área infantil Kidzone. As meninas só quiseram brincar na montanha russa, elas não gostam de Barney nem do ET então nem quiseram ver. Nessa área tem dois parquinhos com água e uns brinquedos para crianças bem pequenas, dentro do prédio do Barney. A de 4 anos até queria ir mas a de 7 virou os olhos e disse que aquilo era de neném 🙂

universal-orlando-florida-65 universal-orlando-florida-66Como não tinha fila, elas foram umas 3 vezes nessa mini montanha russa

Depois passamos na área dos Simpsons e brincamos no Kang and Kodo’s, um brinquedo de rodar simples.universal-orlando-florida-68universal-orlando-florida-67

Voltamos para a estação de trem e pegamos o Hogwarts Express para o Islands of Adventure.

Islands of Adventure – Seuss Landing

Na chegada, nós passamos na área inspirada nos livros do Dr. Seuss e as meninas ficaram loucas para brincar. Prometemos que voltaríamos no fim do dia e foi o que fizemos. Elas adoraram tudo e brincaram várias vezes em todos os brinquedos. Os favoritos foram The Cat in the Hat e o One Fish, Two Fish, Red Fish, Blue Fish. Nesse último você precisa desviar dos jatos de água que os peixinhos soltam e eu chorei de rir vendo o pessoal levar jato de água na cara 🙂universal-orlando-florida-70

O Universal Studios e Islands of Adventure são super modernos e mais indicados para quem tem filhos maiores, a minha de 7 anos já podia brincar em bastante coisa mas a de 4 ficou meio frustrada. Com certeza voltaremos lá para explorar o resto dos parques da próxima vez que visitarmos Orlando.

Como chegar

Os parques da Universal ficam uns 20km de distância do hotel que ficamos hospedados, o Pop Century. Eu pesquisei todas as formas possíveis de chegar lá e a que tinha o melhor custo benefício para nós foi o Uber. Gastamos $36 no total, para ir e voltar. Só a ida de taxi era mais do que isso!

Alugar carro+gasolina+estacionamento seria quase $100 mais o tempo perdido. Empresas de transporte me pediram $85 para levar e buscar. E de ônibus eu não ia pois ia perder tempo demais.

Em Orlando o Uber tem a opção de ter cadeirinha do carro e nós optamos por carros assim por causa das meninas. Foi a primeira vez que usamos o serviço e ficamos super satisfeitos.

Instale o Uber antes de viajar se não tiver chip de celular nos EUA, pois eles mandam uma confirmação por SMS.

Dicas e Informações Úteis

  • A altura mínima para brincar em cada brinquedo está indicada no mapa dos parques, ao lado do nome de cada um. Eu peguei o mapa em inglês e as medias estavam em polegadas, não sei se o mapa em português tem em centímetros.
  • No dia que fomos os dois parques da Universal não estavam lotados e enfrentamos poucas filas mas nos períodos de alta estação as áreas do Wizarding World ficam tão cheias que distribuem senhas para entrar. Então sugiro ir lá logo cedo.
  • Antes de decidir as datas da viagem veja a previsão de lotação dos parques em Orlando no Undercover Tourist ou Orlando Informer (e inglês).
  • Para comprar ingressos para os parques da Universal visite o site oficial.
  • Baixe o app da Universal Orlando para ter no celular o mapa do parque, ver os horários das atrações e o tempo das filas.

    Acompanhe nossas dicas, passeios e novidades no Facebook Baianos no Polo Norte, Instagram @Livi_Souza, Twitter @BaianosNoPN e Google Plus Livi Souza

Livi

Baiana expatriada em Toronto. Adora escrever sobre suas viagens em família e experiência de vida no Canadá

Você pode gostar...

Deixe um Comentário