Saint John e St Martins, New Brunswick

Nós sempre tivemos vontade de fazer uma roadtrip para o leste do Canadá mas por causa das meninas e da distância estávamos com medo de ser muito aborrecimento e pouca diversão. Mesmo assim tomamos coragem, colocamos as meninas no carro e partimos. Dirigimos um total de 4100km (ida e volta) e foi tudo muito melhor do que imaginávamos! Nosso primeiro destino foi Saint John em New Brunswick (1500km de Toronto).

New Brunswick, Nova Scotia e Prince Edward Island. São chamadas de The Maritimes ou Províncias Marítimas. Elas não são um destino muito comum para os brasileiros que imigram ou viajam para cá. Mas nem por isso são menos interessantes que o resto do país. O lado de lá tem paisagens de tirar o fôlego, cultura rica, povo simpático e um jeito mais tranquilo de viver a vida.

Na estrada

De Toronto a Saint John

Fizemos o percurso em dois dias e pernoitamos em Quebec City, na casa de amigos. As estradas daqui são ótimas, muito tranquilas e com postos de apoio em todo o caminho. Na província de Ontário, temos os postos Onroute que são simplesmente perfeitos. Na província de Quebec tem postos/restaurantes bem organizados e em New Brunswick também mas ficam bem distantes uns dos outros.

Na ida as meninas reclamaram e choramingaram um pouco, perguntando se faltava muito para chegar. Levamos DVDs, iPad e toda a parafernalha high tech para distrair as pimpolhas. Tinhamos duas opções de caminho, um pela transcanada e outro passando por Sherbrooke (Quebec) e Maine. Segundo os comentários que li no Trip Advisor o segundo caminho era menor, mais bonito mas o tempo de viagem seria maior pois teríamos que fazer imigração duas vezes no mesmo dia (entrando e saindo dos EUA) e viajaríamos por estradas menores sem muitos postos de apoio. Optamos pela transcanada mesmo.

Onde se hospedar em Saint John

Em Saint John ficamos no Holiday Inn Express Harbour Side. Nada muito chique, o hotel está um pouco “gasto” mas tinha o que precisávamos. Mini geladeira e microondas no quarto, duas camas de casal, piscina, sala de brinquedos para crianças muito bem organizada e no saguão ainda tinha uma caixa com alguns livros, papel e giz de cera para a distrair a criançada na hora no café da manhã. Achei super bacana isso. No saguão também servem limonada e biscoitos para o chá da tarde.

A localização também foi ótima. Pessoal muito simpático, o dono até apareceu para conversar com os hóspedes na hora do café da manhã e perguntar se estava tudo bem. Ainda nos deu dicas de lugares legais para visitar em Prince Edward Island, nosso destino final. O estacionamento do hotel é gratuito. A única coisa que não gostei foi ter que fazer login toda hora na internet cada vez que desligava o celular ou saia e voltava. Tinha que digitar a senha novamente, meio chatinho. Enfim, ficaria de novo e recomendo. Bom, bonito e barato.

St. Martins e a Fundy Trail Parkway

Quem visita a costa de New Brunswick tem que se programar de acordo com a maré. Localizada na Baía de Fundy, a região tem marés que oscilam em mais ou menos 15 metros.

Separamos apenas um dia para a cidade de Saint John. Nossa intenção não era  passear na cidade e sim conhecer as Cavernas em St Martins e na Fundy Trail Parkway que ficam bem perto da cidade. A maré estaria baixa pela manhã e saímos em direção as cavernas.

O tempo estava horrível, friozinho, maior nuvem preta e choviscando, quase desistimos mas quem está na chuva tem que se molhar né?

Na maré baixa as cavernas aparecem e podemos andar no “fundo do mar”, como diz a minha filha. Achei incrível e as meninas também adoraram.  Traga um par de galochas para não molhar o pé na água super gelada, nada de chinelos ou tênis como a família buscapé aqui.

Olha a distância de onde estávamos até a costa. E ainda andamos mais para frente em direção ao mar. Não sou muito boa de estimar distâncias mas da beira da água até a costa tinha uns 500 metros ou mais. Na maré cheia isso tudo fica coberto de água!

Mais para frente andamos sobre as algas marinhas e colocamos os pés na água, que é tão fria que dói.

O ideal seria ficar e ver a mudança das marés. Pretendíamos continuar na Fundy Trail Parkway e na volta fazer outra parada aqui para conferir a maré alta, só que que o tempo não ajudou. Um nevoeiro tomou a costa e ficou impossível enxergar um palmo na frente do nariz, não fazia sentido seguir na estrada sem poder ver a paisagem. Decidimos voltar para Saint John. Para ter uma idéia, na maré alta a paisagem fica assim.

Fonte

O nevoeiro chegando…

Almoçamos no Cave View Family Restaurant perto das cavernas e a comida estava ótima. Pedimos mexilhões, chowder (sopa de peixe) e cassarola de frutos do mar aos 4 queijos.

  Eu não pude resistir a essa lojinha de souvenirs.

O vilarejo de St Martins é bem simpático, com pontes cobertas e casas coloridas. Não sei se era o tempo mas estava tudo muito calmo e deserto. O idioma falado lá é o inglês.

Do lado da ponte tem uma placa informando que se você prender a respiração ao atravessar uma ponte coberta terá um desejo realizado. Imediatamente coloquei a mão no nariz e saí correndo nessa ponte ai em baixo. Com certeza fiz algo errado pois o meu desejo era sol e não consegui. 🙁

Na maré baixa ninguém pode ir trabalhar.

Achei tudo um charme, adorei o cheirinho de mar e as meninas se divertiram bastante. Seguimos de volta para Saint John e ainda deu para aproveitar o resto do dia.

Leia os outros posts dessa viagem

Roadtrip para o leste do Canadá – última parte
Panmure Island e um pouco mais de Charlottetown
Charlottetown, Cavendish e Covehead lighthouse
Visitando a terra de Anne of Green Gables

Hopewell Rocks, New Brunswick
Um passeio por Saint John (New Brunswick)
Roadtrip para o leste do Canadá

Informações úteis

– Você pode solicitar revista de viagem e mapas gratuitamente no site  Tourism New Brunswick ou pegar em qualquer centro de informações turísticas da província.
Tábua de marés em New Brunswick
Previsão do tempo

Livi

Baiana expatriada em Toronto. Adora escrever sobre suas viagens em família e experiência de vida no Canadá

Você pode gostar...

10 Resultados

  1. Martha disse:

    Que lugar lindo…Que delícia de viagem.

  2. Amei o post, amei as fotos! Não vejo a hora de poder viajar pra lá também…

    Estou esperando ansiosa pelos próximos relatos!
    Beijos,
    Lidia.

  3. Adriane disse:

    Lindo, lindo… grande viagem… queremos conhecer essa área um dia…
    Bjos

  4. ginapsig disse:

    Muito linda essa região do Canadá! Super curiosa para ver o resto da viagem. Foi uma experiência e tanto para as meninas, que já vão conhecendo e aprendendo a gostar do seu país de origem.
    Você devia ter passado a ponte andando, rs!!!
    Bjão

    • Será que era andando? Ah deve ter sido por isso que não funcionou 😉 As meninas gostaram sim. Sophia não entende muito e está feliz se tiver área para correr, Elena ficou curiosa quando expliquei sobre a maré. Ela tá numa fase tão gostosa de mostrar e ensinar coisas. Bjs

  5. Que delícia de post… fiquei com ainda mais vontade de visitar o verdadeiro leste do Canadá 🙂
    Abs

    • Vocês precisam ir mesmo, com certeza vão amar. A paisagem é linda, as pessoas bem simpáticas e o jeito de viver super tranquilo e sem stress.
      É um Canadá bem diferente daqui de Ontário e adoramos PEI ainda mais. Ficamos com vontade de mudar para lá. Se trabalho não fosse tão difícil, nem tinha voltado viu 😉 Bjs

Deixe um Comentário