Niagara-on-the-Lake, a cidade mais charmosa de Ontário

P1020253No último mês a minha mãe e tio estavam aqui e aproveitamos para passear bastante. Depois de visitar Niagara Falls fomos de carro beirando o rio até chegar na cidadezinha que fica no encontro do rio com o lago, a pitoresca Niagara-on-the-Lake. Sabe aquele lugar que você se sente como se tivesse voltado ao passado? Não é a toa que a cidade carrega o título de a mais charmosa de Ontário e, tenho certeza que todos que a visitarem não vão discordar.

Fundada em 1781, a cidade já mudou de nome 3 vezes e foi a primeira capital da província. Durante esse período uma das decisões mais importantes na história do Canadá aconteceu lá, a abolição da escravatura no país. Durante a Guerra Anglo-Americana de 1812, a pequena Niagara foi tomada e destruída pelos americanos. A cidade foi reconstruída entre os anos de 1814 e 1830 e muitas dessas construções ainda estão de pé até hoje.

O que fazer

DSC_5904

O que eu mais gosto de fazer por lá é caminhar pelas ruas apreciando a arquitetura e jardins das casas mas a cidade tem muito mais do que isso para oferecer. Vou fazer um resumo das coisas que acho mais legais para ver em Niagara-on-the-Lake e região (do lado canadense).

  • Shaw Festival é uma série de produções teatrais inspiradas no trabalho de Bernard Shaw e retratam o período que ele viveu, 1856-1950. O festival acontece na cidade de abril a novembro em três teatros. É considerado um dos melhores festivais de teatro do Canadá, com reviews que se igualam ou superam shows da Broadway.

DSC_5909

  • Fort George – para os que tem curiosidade em saber como era a rotina dos soldados e quer aprender um pouco mais sobre a história militar local, o Fort George é o lugar perfeito. Diariamente realizam demonstrações de combate e artilharia.

Fort George by Robert Linsdell via Flickr Creative Commons

Foto de Robert Linsdell via Flickr CC

  • Prince of Wales Hotel – um dos hotéis vitorianos mais chiques da cidade. Até a rainha Elizabeth II já se hospedou lá. A fachada dele é linda! Mesmo se você não estiver hospedado é possível ir no spa ou restaurante, que oferece café da manhã, almoço, chá da tarde e jantar.

DSC_5960

  • Niagara Apothecary Museum – A autêntica farmácia do século 19 fechou suas portas em 1964 e hoje só funciona como museu. É bem interessante ver como tudo funcionava e os tipos de remédios que disponíveis na época.

14428291574_41cca786d5_z

Foto de Roser Martínez via Flickr CC 

  • Passeio de charrete com a Sentineal Carriages – um passeio super especial pelas ruas da cidade nas charretes. O condutor vai vestido a caráter! Considerado muito romântico pelos casais e divertido por quem vai em família.

DSC_5927

  • Olhar a silhueta de Toronto – Nos dias claros dá para ver a CN Tower e os prédios do centro de Toronto no fim da Queen St, na beira do lago.

Torontoskyline

  • Gastronomia – Niagara-on-the-Lake também é conhecida pela seus restaurantes, a comida servida sempre traz ingredientes regionais e fresquinhos. Eu recomendo o restaurante Corks, que tem a comida muito saborosa e atendimento nota 10. Para sobremesa, vou deixar a dica da sorveteria Cows (44 Queen St). O sorvete deles é delicioso! Essa é a mesma sorveteria que visitamos em Prince Edward Island.

DSC_5921

137983912_a149dc133e_z

Foto do Château des Charmes de Taku via Flickr CC

  • Queen’s Royal Park – Localizado na beira do lado, na Front St com a King St., o parque oferece uma vista espetacular do antigo Fort Niagara, do lado americano.
  • Simcoe Park – na esquina das ruas Queen e King tem uma área verde com mesas para picnic, banheiros, parquinho e chafariz para as crianças. Parada obrigatória toda vez que vamos a Niagara-on-the-Lake.

Compras

DSC_5936A cidade oferece várias opções de compras que vão dos saborosos vinhos da região a roupas de marcas famosas num grande shopping, o Outlet Collection At Niagara, localizado a 18km do centro. Fica próximo a autopista QEW. As rotas 50 e 55 dos ônibus que partem de St Catharines e Niagara Falls fazem paradas no shopping.

Como Chegar

Saindo de Toronto – Não há ônibus ou trens diretos, é preciso ir para Niagara Falls ou St. Catharines e pegar outro ônibus ou taxi. Nos fins de semana do verão a Go Transit oferece a conexão.

Saindo de Niagara Falls – No verão há um ônibus que sai do relógio floral até o Fort George em Niagara-on-the-Lake. Custa $10(adultos) e $6(crianças de 6-12), ida e volta. É operado pelo Niagara Parks. De taxi, do centro de Niagara Falls custa em média $40.

Como se locomover na cidade

A melhor forma de conhecer a cidade é caminhando pelas ruas, ou fazendo o passeio de charrete mencionado acima, mas quem quiser pode alugar bicicletas com a Zoom Leisure Bikes ou skooters com a eSkoot Niagara.

Para que pretende fazer a rota dos vinhos uma opção boa e barata é a empresa Niagara Fun Tours, que oferece vários passeios com preços bem legais. Por exemplo, um tour de 6 horas na rota dos vinhos custa $89 por pessoa. Saídas em vários pontos de Niagara Falls. Um tour para família, com entrada grátis para a Skylon Tower custa $89 (adulto) e $84 (crianças de 3-12). Reserve com antecedência pois os tours se esgotam rapidamente.

DSC_5918

Reserve um hotel em Niagara-on-the-Lake

 



Booking.com


O blog Baianos no Polo Norte é parceiro do Booking.com. Reservando por esses links nós recebemos uma pequena comissão que ajuda a pagar os custos de manutenção do site. Você não paga nada a mais por isso. Obrigado!

Livi

Baiana expatriada em Toronto. Adora escrever sobre suas viagens em família e experiência de vida no Canadá

Você pode gostar...

2 Resultados

  1. Jamille disse:

    É muito charmosa mesmo!! Fiz essa viagem de carro e foi muitoooo legal!! Bjs

  2. Ana disse:

    Que charme de cidade mesmo! Não sei se vamos ter tempo de visitar o Niagara dessa vez. Tomara que sim. 🙂

Deixe um Comentário