Drumheller, a cidade dos dinossauros

A província de Alberta possui a maior concentração de fósseis de dinossauros do mundo, especialmente na área conhecida como Badlands. A erosão da água e vento criou uma paisagem desértica e expôs os vestígios da vida a milhões de anos. O local é perfeito para explorar com crianças, então separamos um dia para passear por Drumheller.

Saímos bem cedinho de Banff e demoramos cerca de 3 horas para chegar ao nosso destino. Devagar a paisagem vai mudando de montanhosa para planície e o verde vai dando lugar ao amarelo das plantações de canola. drumheller-alberta-dinossauros-2drumheller-alberta-dinossauros-1Acho que dirigimos nessa imensidão de amarelo e azul por quase uma hora e assim, meio que de repente, um terreno arenoso toma conta do cenário.

drumheller-alberta-dinossauros-10 drumheller-alberta-dinossauros-7 drumheller-alberta-dinossauros-6drumheller-alberta-dinossauros-9drumheller-alberta-dinossauros-18

Uma placa com um dinossauro em miniatura, escrita “seja bem vindo a Drumheller” indicava a chegada no Vale dos Dinossauros. Lojas, ao longo da estrada, vendiam fósseis com certificado de autenticidade e tudo mas não era nada grande, apenas insetos, dentes, unhas e pequenos pedaços de ossos de dinossauro.

drumheller-alberta-dinossauros-3

Nosso destino era o Royal Tyrrell Museum, que abriga a maior coleção de fósseis do Canadá e uma das maiores do mundo. Ele é operado pelo governo da província e dedicado exclusivamente à paleontologia. O nome Tyrrel é uma homenagem ao geólogo que descobriu o Albertossauro (sim isso existe e eles tem o maior orgulho de terem um dino só deles). O bicho é da mesma família do tiranossauro.

No museu, animais e plantas ficam organizados de acordo com a era a que pertenceram. Passamos pelo laboratório e podemos tocar em algumas amostras. Achei super legal que quando chegamos na época da extinção dos dinossauros há uma sala com um video explicativo para as crianças, todos os visitantes precisam passar por lá. Depois tem apenas mais uma galeria com os animais que sobreviveram e que apareceram depois do impacto do cometa.drumheller-alberta-dinossauros-11

drumheller-alberta-dinossauros-28 drumheller-alberta-dinossauros-23 drumheller-alberta-dinossauros-27 drumheller-alberta-dinossauros-22 drumheller-alberta-dinossauros-29 drumheller-alberta-dinossauros-30 drumheller-alberta-dinossauros-26 drumheller-alberta-dinossauros-25 drumheller-alberta-dinossauros-13 drumheller-alberta-dinossauros-12 drumheller-alberta-dinossauros-24 drumheller-alberta-dinossauros-14 drumheller-alberta-dinossauros-16

Além das galerias que ilustram a escala de tempo geológico na Terra, há diversos programas educativos e interativos. Do lado de fora tem contação de histórias, parque com dino para crianças escavarem, mirante e uma trilha no “deserto”, todos gratuitos. Entre os programas pagos tem visita a um sítio arqueológico (Dinosite), fazer molde de fósseis com gesso (Fossil Casting), tour guiado pela Badlands (Seven Wonders of the Badlands), etc. Para ver a lista completa, preços e idade mínima recomendada clique aqui. Recomendo fazer a reserva online do programa desejado.

drumheller-alberta-dinossauros-15 drumheller-alberta-dinossauros-17

Depois do museu voltamos ao município de Drumheller. No passado eles tinham a economia baseada na exploração do carvão natural, hoje vivem do turismo jurássico. As ruas são decoradas com bonecos de dinossauros e ao lado do centro de visitantes está um tiranossauro de 26 metros de altura. É possível subir 106 degraus até a boca do maior dinossauro do mundo, mediante ao pagamento de uma taxa de $10.

drumheller-alberta-dinossauros-4 drumheller-alberta-dinossauros-5

Encerramos o dia no chafariz ao lado do dino gigante, chega a ser engraçada a vista do parquinho de tão inusitada. Ri muito, parecia que ele vinha correndo pegar as crianças 🙂 As meninas amaram!

drumheller-alberta-dinossauros-19 drumheller-alberta-dinossauros-21 drumheller-alberta-dinossauros-20

Visitar o vale dos dinossauros estava nos nossos planos de viagem mas confesso que gostaria de ter tido mais tempo para explorar todos os passeios e experiências que eles ofereciam. Queria ter visitado o Dinosaur Provincial Park, onde podemos ver fósseis no chão. Infelizmente, o problema da geladeira, em Jasper, nos fez perder um dia que poderia ter sido aproveitado aqui ou em Calgary. Mas isso é mais um motivo para voltarmos, né?

Dormimos num camping próximo a Calgary naquela noite e acompanhamos o marido numa visita de negócios antes de retornarmos a Toronto. Alberta é um destino surpreendente e super family friendly, as experiências que vivemos nessa viagem ficarão guardadas com muito carinho na nossa memória.

Informações úteis

– Royal Tyrell Museum website: tyrrellmuseum.com | Endereço: 1500 North Dinosaur Trail | Coordenadas de GPS: 112° 47′ 21.4″ W, 51° 28′ 45.7″ N

– Guia drumheller online


 

Acompanhe nossos passeios, viagens e novidades no Facebook Baianos no Polo Norte e no Instagram @Livi_Souza.

Livi

Baiana expatriada em Toronto. Adora escrever sobre suas viagens em família e experiência de vida no Canadá

Você pode gostar...

1 Resultado

  1. ginapsig disse:

    Gostei muito do museu. Que experiência maravilhosa para as meninas!

Deixe um Comentário