Sobre a flor vermelha (poppy) que os canadenses usam em novembro

Se você estiver no Canadá entre a última sexta-feira de outubro e o dia 11 de novembro vai notar que várias pessoas usam uma florzinha vermelha (papoula) presa na roupa. O nome dessa flor em inglês é poppy e ela é usada como um símbolo do Remembrance Day, comemorado no dia 11 de novembro. A flor é um símbolo que demonstra nosso agradecimento ao sacrifício de todos os veteranos e soldados que morreram servindo o país. Ah e por falar no Remembrance Day, muitos canadenses consideram falta de respeito colocar a decoração de Natal antes desse dia. Sei que muitas lojas fazem e que a decisão é de cada um, mas fica a dica.

Usar a flor vermelha não é uma tradição exclusivamente canadense e sim de todos os países da Comunidade das Nações (Commonwealth), inclusive Inglaterra. Porém o design da poppy é diferente em cada país.

A flor foi escolhida por causa do poema “In Flanders Fields”, escrito pelo médico canadense Lieutenant Colonel John McCrae, durante a Primeira Guerra Mundial. Eu falei sobre o poema, a história e o significado do Remembrance Day aqui.

Para quem tem dúvidas de onde pegar e sobre a forma correta de usar, seguem algumas dicas da Royal Canadian Legion, responsável pela distribuição das florzinhas.

Onde encontramos as florzinhas?

As caixas com as flores podem ser encontradas em praticamente todas as lojas da cidade, geralmente perto do caixa. Elas não são vendidas e sim distribuídas. As pessoas são encorajadas a fazer uma doação em troca da poppy. Todo o dinheiro arrecadado é revertido para instituições que cuidam dos veteranos e suas famílias.

Quanto doar?

Não há um valor mínimo exigido para doação, eles pedem apenas que cada pessoa dê de acordo com sua consciência.

Numa pesquisa feita pelo jornal Toronto Sun várias pessoas responderam que doam $1 ou $2, no mínimo. Na escola das meninas eles pedem $2 para cada aluno.

A forma correta de usar a flor

A poppy deve ser usada do lado esquerdo, na lapela ou próximo ao seu coração, na camisa, paletó ou jaqueta.

A primeira vez que usei coloquei do lado errado, para variar. Depois notei que todo mundo usava do mesmo lado e quando fui pesquisar descobri o mico que estava pagando. Quem nunca…

Não altere a poppy

A poppy fica presa na roupa através de um alfinete e pelo fato de cair facilmente, tem gente que acaba improvisando e colocando algo mais eficiente para prende-la na lapela. Eu mesma já usei uma presilha daquelas colocadas em fralda na poppy das meninas. Segundo a Legião isso não é aceitável pois altera a aparência da poppy. Já vi gente usando um broche com a bandeirinha do Canadá no meio e apesar de não ser recomendado, é de uma certa forma mais aceitável e melhor do que não usar nenhuma. Nos lugares ondes as flores são distribuídas eles tem um poppy keeper de plástico transparente, tipo aqueles usados para prender brincos.

Quantas poppies usar?

Geralmente se usa uma mas não há um limite. Membros da família real inglesa costumam usar 2 em cerimônias oficiais no Canadá, uma flor para cada país.

O que fazer com as florzinhas depois do dia 11 de novembro?

Se você participar de alguma cerimônia ao redor de um túmulo ou monumento dedicado aos soldados, geralmente as flores são colocadas em cima depois das 11:11h. Senão, você pode se desfazer dela ou guardar como recordação. Eu li em alguns lugares que era inaceitável reusar no ano seguinte (Toronto Star) e em outros que podia (CP24). Pessoalmente acho que se você deixar uma doação nas caixas de coleta, não faz diferença se pegou uma flor nova ou usou a do ano anterior. O importante é mostrar que você respeita o sacrifício que eles fizeram servindo o país.


Foto: Queens University via Flickr CC

Livi

Baiana expatriada em Toronto. Adora escrever sobre suas viagens em família e experiência de vida no Canadá

Você pode gostar...

2 Resultados

  1. Luciana disse:

    Excelente explicação , eu sabia algumas coisas sobre esta tradição, mas não todos estes detalhes. Obrigada por compartilhar

  2. Marla disse:

    Muito bom seu comentário sobre 11 de novembro.

Deixe um Comentário