Canadá: como fugir da depressão de inverno

Se você já enfrentou um longo inverno, como o do Canadá, já deve ter ouvido falar da depressão de inverno ou winter blues. Aproxidamente 15% da população canadense sofre com isso. E esse foi o tema que escolhemos falar no projeto #VidaEmTO desse mês.
Tem um video de um comediante canadense chamado Rick Mercer sobre depressão de inverno que acho super engraçado.
Para quem não entende bem o inglês, no video ele diz que o ministério do meio ambiente falsifica a previsão do tempo e sempre coloca uma temperatura positiva para daqui a sete dias. E olha, eu fui olhar aqui meu app e brincadeira ou não, o sétimo dia está bem melhor do que os outros. 🙂
 

O que é e por que a depressão acontece

 A depressão sazonal, que em inglês chama-se seasonal affective desorder (SAD) é um transtorno de humor que acontece sempre na mesma época do ano.
Todo mundo acha que o grande vilão do inverno é o frio mas ele não é o maior problema. Concordo que depois de alguns meses vestindo 10 roupas pra sair dá desânimo mas o culpado pela nossa tristeza anual é o sol. Ou melhor, a falta dele. Como no inverno os dias são mais curtos e muitas vezes nublados, nós ficamos menos expostos a luz solar. Em janeiro desse ano, a maioria dos dias fora escuros e nublados em Toronto. No total, a cidade recebeu apenas 48,8h de luz do sol. Só pra ter uma idéia a média é 85h. Então esse ano foi horrível.
Prefiro mil vezes ter um dia frio e ensolarado do que um dia menos frio e cinza. Confesso que quando olho lá fora e vejo tudo cinza, fico subindo pelas paredes.

Como eu me sinto

Estaria mentindo se disse pra vocês que não sofro com isso. Mas nunca foi tão ruim quanto dessa vez.
Talvez pelo fato de passarmos o Natal no Brasil todos os anos tenha me deixado mal acostumada. O descanso de algumas semanas no sol da Bahia serve para recarregar minhas baterias. Esse ano nós não fomos e senti uma diferença enorme na minha disposição e humor. Notei que até as meninas estão mais chateadas. Me sinto sem energia, sempre cansada e estou mais irritada que o normal. Sabe o anão Zangado, da Branca de Neve? Perde feio para mim. #prontofalei
 Foto do fundo do baú (2007)

O que fazer pra se livrar dela

Acho que o segredo para lidar com isso é não se deixar abater por essa mudança de humor. Temos que cuidar da nossa saúde, socializar com os amigos e tentar aproveitar o máximo a luz natural que o inverno oferece. Então é fundamental fazer alguma coisa do lado de fora. Eu já falei sobre isso em vários posts e sugiro a leitura:
Outra coisa que tem gerando bons resultados é a terapia da luz, com lâmpadas especiais que emitem a mesma quantidade de luz da primavera e verão. Em Toronto, há duas bibliotecas com essas lâmpadas, para testar. O uso é gratuito. Se tiverem uma boa resposta da população eles planejam colocar mais. Veja mais no site da biblioteca.
Na maioria dos casos os efeitos da depressão de inverno não são severos e dá pra conviver numa boa. Mas se você sentir que isso está te afetando muito, busque ajuda do seu médico.

Perdeu os outros posts do projeto? Confira

Leia também o ponto de vista das outras blogueiras a respeito da depressão de inverno.

Mirella | Blog Casal Mikix

Gabriela | Gaby no Canadá

Mariana | Virei Canadense

Carina | Outside Brazil

Livi

Baiana expatriada em Toronto. Adora escrever sobre suas viagens em família e experiência de vida no Canadá

Você pode gostar...

5 Resultados

  1. Eu sou a rainha de fugir do inverno (risos)… bobeou estou tropicalisando 🙂
    Bjoooo e aproveita Cancun 😉

  2. Adorei o vídeo Livi! 🙂
    Aproveita muito sua fugida do inverno e volta com bastante vitamina D!
    Beijos

  3. Vanessa Baião disse:

    Morei em Londres só dez meses e sofri muito no inverno, no começo eu não entendia o q era só queria dormir e ficava com o humor péssimo. Agora estou me preparando para ir para o Canada mas estou pegando todas essas dicas para q não aconteça novamente, pra quem nunca passou parece bobeira mas não é.

  1. 15/02/2017

    […] Carina Iani de Barros: Outside Brazil Gabriela Ghisi: Gaby no Canadá Livi Souza: Baianos no Polo Norte Mariana Cimini: Virei Canadense […]

Deixe um Comentário