Aurora boreal no quintal

Tá bom, no quintal não mas até que rimou né? Mas foi quase… A aurora boreal é um fenômeno que tenho muita vontade de ver e pensar que passou tão perto e eu só fiquei sabendo depois. Nem acreditei quando vi na TV a reportagem sobre o ocorrido. As vezes me esqueço que moro no Polo Norte…

Na noite de terça(3/8) para quarta(4/8) a aurora boreal ou aurora borealis, como é chamada aqui, pôde ser vista intensamente a aproximadamente 230km norte de Toronto. Em algumas partes da região metropolitana de Toronto, longe da claridade da cidade, deu para ver a aurora bem fraquinha. Infelizmente, a poluição visual causada pela intensa luz da cidade ofuscou a fraca aurora e ela passou despercebida pela maioria, inclusive eu. 🙁

As auroras boreais são mais comuns nas latitudes mais próximas dos polos e para serem visíveis o céu precisa estar sem nuvens e de preferência longe das luzes da cidade. Quanto mais aberto e escuro o local que você escolher para observar o fenômeno melhor será a visualização. Quanto mais perto dos polos maior as chances de acontecer.

Resolvi que a próxima não irei perder e por isso já virei uma caçadora de aurora boreais. Me cadastrei em vários sites para receber alertas sobre a ocorrência de auroras. Os que eu achei mais interessantes foram:

SpaceWeather.com

Aurora Watch da Universidade de Alberta

Pensei em me mudar para o território de Yukon (lá perto do Alaska) para ter mais chances de ver as luzinhas mas o maridão não quis…

Espero ter sorte de acontecer novamente aqui pertinho de casa, em Toronto, ou em Ontario.

Livi

Baiana expatriada em Toronto. Adora escrever sobre suas viagens em família e experiência de vida em Toronto

Você pode gostar...

Deixe um Comentário