Killbear Provincial Park, um lugar para curtir a natureza

O Killbear Provincial Park é um dos mais bonitos que já conheci até hoje em Ontário. Ele fica próximo da cidade de Parry Sound, ao norte de Toronto. A região é mais remota e portanto as nossas chances de ver animais como veados, castores e até ursos são bem grandes.

Quando ouvi o nome do parque pela primeira vez achei estranho e quis saber o motivo. Existem várias histórias para explicar a origem e a maioria delas envolve uma luta entre um lenhador e um urso preto. Mas na verdade os nativos Ojibway já chamavam a região de “mukaa nayoshing” (que significa ponta do urso), muito antes da época da extração de madeira. O local tinha uma grande população de ursos e eles costumavam nadar da península até a cidade de Parry Sound. O pessoal lá disse que de vez em quando isso ainda acontece. Imagina!

O Centro de Visitantes

Muitos parques provinciais possuem centros de visitantes com programas educativos e informações sobre a região. Mas o do Killbear me deixou de queixo caído. É simplesmente espetacular! Ele tem 1000 metros quadrados e parece um mini museu onde podemos aprender sobre todos os animais nativos, cultura e história da região.

Para a criançada, tem livrinho de atividade e um formulário para completarem enquanto navegam pelas exposições. As respostas estão dentro do museu e no fim ganham um prêmio. É uma forma bem legar de ensinar e ao mesmo tempo manter as crianças interessadas.

Além disso o centro tem duas moradoras que fazem o maior sucesso: Robin e Charlie. A primeira é uma cobra da espécie Massasauga, que é venenosa e possui uma espécie de chocalho para alertar os visitantes sobre a sua presença. A segunda é uma cobra foxsnake, que é bem parecida com a outra porém não é venenosa.

Logo que chegamos, estava tendo o snake talk, uma palesta sobre as cobras de Killbear. O ranger explicou sobre as diferenças, os cuidados que precisamos ter e no final deixou os visitantes tocarem em Charlie. Eu tento pavor de cobras mas as minhas filhas, principalmente a menor, ficam fascinadas quando vêem uma. E como vocês podem ver na foto, a pequena ficou toda feliz quando o ranger colocou a cobra em seus braços.

Robin, que é venenosa fica num lugar fechado e não sai para recepcionar os visitantes. Nesse dia ela não estava lá, ficou doente e foi dar um passeio na clínica veterinária do Toronto Zoo.

O centro fica num lugar com vista privilegiada.

Trilhas

Recreation Trail: Esse é um caminho paralelo a rua, com 6km de extensão, que vai de uma ponta a outra do parque, conectando os acampamentos. Ele é ideal para quem busca uma caminhada mais leve ou uma trilha para andar de bicicleta. Dá para fazer apenas parte do caminho e torcer para avistar veados e outros animais. Foi o que fizemos e demos sorte!
Killbear Provincial Park

Lookout Point Trail: uma trilha de 3,5km que corta áreas diferentes do Killbear. Nós conseguimos fazer ela toda com as meninas e foi bem legal. Passamos por uma região pantanosa, floresta fechada e no meio da trilha saímos numa parte alta com vista incrível da Georgian Bay. No início da trilha tem uns livrinhos com informações sobre a fauna e a flora da área, ele fica meio escondido logo abaixo do mapa grande.

Lighthouse Point Trail:  trilha curtinha de uns 500m e bem fácil de fazer. No parque ela está classificada como moderada mas sinceramente acho que é só pelo fato de ter bastante pedras e raízes grandes no chão. Só que para nós, foi uma caminhada com emoção. Fomos no fim do dia e o tempo estava bem fechado, quando entramos na floresta uma neblina tomou conta do lugar e ficou meio sombrio. Para piorar ouvimos o barulho da cobra massasauga, então saímos correndo e não ficamos para tirar muitas fotos. Pense no pânico. As meninas disseram que foi spooky (assustador).

 
Twin Points Trail: foi a única que não fizemos pois deixamos por último e choveu São apenas 1,8km através da floresta, praia e pelas rochas que decoram a beira do lado em toda a península de Killbear. O início da trilha fica na área de day use e também tem um livrinho com informações geológicas da região.

Pontos de interesse

Sunset Rocks e a árvore torta: no Beaver Dams campground, perto do número 320 as rochas avançam para dentro da água e é um local
perfeito para assistir o pôr do sol. No local tem uma árvore que eles chamam de windswept pine, pois sua forma é resultado dos ventos da Georgian Bay. Ela não é a única mas é a mais famosa.

Harold Point Viewing Rocks: essa pequena colina fica no Harold Point campground e nos proporciona uma vista linda.

Lookout Point: fica mais ou menos ma metade da trilha de mesmo nome. De lá de cima vemos toda a baía Big Sound e se o dia estiver limpo dá para ver a cidade de Parry Sound.

O farol: o local onde fica o farol também tem uma vista incrível e formações rochosas bem interessantes.

As praias: eu amei as praias de lá pois são bem calmas e com água transparente. Quero voltar no verão! As minhas favoritas foram no Beaver Dams, Harold Point e a do day use.

Camping

O parque possui 7 áreas para acampamento e todas ficam relativamente perto da água. O camping é bem estruturado, com banheiros, chuveiros e até lavanderia. Nós ficamos no Beaver Dams e gostamos bastante. Mas visitamos os outros e também eram bons.

No primeiro dia fomos recepcionados por uma família de veados que passou andando pelo camping e ao longo da nossa estadia vimos vários deles. eu até coloquei um vídeo no meu stories.

O Killbear está numa região chamada de bear county, pois é habitat natural dos ursos pretos. Portanto precisamos manter o nosso camping limpo e sem nenhum alimento do lado de fora e nem em lugares visíveis, para não atrair os ursos. Não vimos nenhum urso dessa vez mas o ranger disse que se pararmos o carro perto da área onde fica o lixo com certeza dá para ver algum à noite ou de manhã cedo.

Super recomendo o Killbear Provincial Park para quem gosta de ficar em contato com a natureza e tem vontade de ver bichos soltos. Nós curtimos e aprendemos muito!

A cidade de Parry Sound

Na volta demos uma passadinha rápida na cidade de Parry Sound mas estava tudo fechado por causa do feriado de Thanksgiving. Mesmo assim deu para ter uma ideia de como é.
Parry Sound
Principais atrações

Onde se hospedar

Se acampar não combina com você, então sugiro se hospedar em Parry Sound para poder explorar a região. Aqui algumas opções:

Cidades e atrações próximas

Mais informações

Website: www.ontarioparks.com/park/killbear
Endereço: 35 Killbear Park Road, Nobel

Livi

Baiana expatriada em Toronto. Adora escrever sobre suas viagens em família e experiência de vida em Toronto

Você pode gostar...

3 Resultados

  1. Marta disse:

    Olá, o parque fica aberto no inverno? Valeria a pena ir em janeiro?

  2. Danielle disse:

    Que parque lindo Livi .E que medo da trilha que ficou com neblina e vcs ouviram barulho de cobra! Eu tenho medo de cobra tb, e acho que iria gritar Hahahahahah
    Jamais pegaria a cobra na mão tb! Essas crianças canadenses são outro nível de coragem hahhahaha beijosss

Deixe um Comentário